quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Controle arcade para Playstation

Como última postagem do ano, gostaria de dedicar a uma paixão antiga que eu tinha e pude realizar neste mês de dezembro. A aquisição de um controle arcade para Playstation. Eu fiquei realmente extasiado quando o mesmo chegou em casa, pude me satisfazer com jogos de luta e jogos de navinha (shoot’em up) como se estivesse realmente jogando em um fliperama.



Pude reviver quase a mesma emoção de estar num fliperama, com a exceção de estar no aconchego do meu quarto, que mais parece um sebo, ter um belo Playstation 2, rolando Street Fighter 2 e Raiden. Uma beleza só, ainda bem que os loadings são rápidos.
Os fliperamas que eu freqüentava eram botecos podres, um fog que era uma neblina de fumaça de cigarro, lugar escuro, cheirando a mofo e bebida alcoólica. Enquanto a jogatina rolava, o controle melado sabe-se lá do quê, em meio a maloqueirada, garotos ranhentos pedindo “tio, dá uma ficha” ou ainda “deixa eu passar essa tela (round)” e outros sujeitos mal encarados que se perdessem a ficha, era porrada ou ter a máquina desligada.

Não gostava muito dos fliperamas dos Shopping Centers, onde a ficha foi substituída por um cartão, apesar de um ambiente mais familiar, preferia jogar o fliperama nos lugares trashies. Isso sem contar o preço abusivo que era cobrado nas máquinas, uma vez que eu vivia de desviar o dinheiro do pão e do leite para sustentar meu vício.

Pena que os fliperamas estão sumindo, os poucos que restam só possuem jogos que não me agradam, não tenho mais paciência de ficar jogando em pé e ficar sendo desafiado nesses jogos repletos de seqüências de golpes que sugam a sua energia, prefiro cultivar meu "pânceps" sentado na minha cama e jogando os clássicos no consoles, o jogo é o mesmo e agora a sensação de jogatina aproxima-se ao que era antigamente, graças ao meu controle arcade.

domingo, 28 de dezembro de 2008

O Tambor - Die Blechtrommel

Acabo de assistir ao filme “O Tambor”, filme alemão de 1979, e há uma série de simbolismos no filme onde eu acho que devo assistir mais umas duas ou três vezes para entender algumas passagens.

O filme se passa pouco antes da Segunda Grande Guerra, na cidade de Danzig, cidade onde mora muitos poloneses, onde nasce o garoto Oskar Matzerath. Em seu terceiro aniversário, Oskar é presenteado com um tambor, que o acompanhará durante muito tempo. O garoto presencia uma “sujeira” no ar ao notar algo rolando entre sua mãe e seu tio.

A fim de não conviver com isso, Oskar resolve se prender no corpo de uma criança de três anos para sempre, a partir de então, os anos passam e o garoto não cresce mais. Além disso, Oskar possui um grito agudo que estilhaça vidros.

Com o crescimento do Nazismo na Alemanha, o pai de Oskar se afilia ao partido. Sua mãe busca nos braços do amante o amor que seu marido não lhe dá. Oskar apesar de estar preso no corpo de um garoto de três anos que gosta de fica batucando seu tambor, tem sua mentalidade preparada para o mundo dos adultos através da morte, da guerra e do despertar da sexualidade.

Destaque para a cena do comício nazista, onde militares marcham e a banda começa a se desconcentrar mediante os batuques feitos por Oskar até que todos os presentes saem a dançar uma bonita valsa.

Eu jamais pensaria que haveria forma de pescar como a da cena da pescaria na praia. É nojento, mas também é incrivelmente criativo. Será que alguém utiliza essa técnica nos dias de hoje?

Procurando informações na internet, o ator David Bennent que interpreta Oskar só fez esse papel de relevância.

Procurarei informar-me mais sobre as obras do diretor Volker Schlöndorff e das obras do escritor Günter Grass, o qual, O Tambor foi baseado no livro homônimo.

Vendo o trailer do filme no you tube, acabo de descobrir que a versão que possuo do filme é censurada. Mas que droga, vou ter de arrumar uma versão completa.

Trailer

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

A Queda! As Últimas Horas de Hitler - Der Untergang

São exatamente 3:21 da manhã do dia 26 de dezembro de 2008 e acabo de assistir ao filme “A Queda! As Últimas Horas de Hitler”, aliás, título errôneo este, pois o filme se passa em 1945, alguns dias antes da derrota alemã pelas tropas russas, poderia chamar-se Os Últimos Dias de Hitler.

Hitler e seus principais colaboradores estão praticamente presos em Berlim já que os russos avançam em direção ao quartel general de Hitler e durante 12 dias, acompanhamos as desastrosas ações militares, que se mostram ineficazes mediante a falta de soldados e armamentos, o casamento de Hitler e Eva Braun, o suicídio de ambos (e alguns outros), a confiança depositada no führer apesar da visível derrota e tudo isso, tendo como testemunha ocular, a mulher que foi secretária de Hitler, Traudl Junge.

A verdadeira Traudl Junge aparece no longa, no início e no fim, são cenas retiradas do documentário “Eu Fui Secretária de Hitler”. Suas declarações são um pouco polêmicas, pelo menos a mim pareceu. O filme todo, apesar de longo, é muito bom, apesar de ser um filme que fala sobre Hitler, ele é bem imparcial.

Três destaques em minha opinião. A história, que por si só já é muito interessante. Pois o filme humaniza a figura do ex-ditador, não o mostrando como o monstro que a história se encarregou de fazer, mas sim como o homem Adolf Hitler que come, bebe e sofre de mal de Parkinson. O ator Bruno Ganz que interpreta magistralmente o ex-ditador. E a atriz Alexandra Maria Lara que interpreta Tradl Junge.

Site Oficial

Trailer

domingo, 21 de dezembro de 2008

Tropa de Elite

Não estranhem se pintar nesse blog, filmes antigos que fizeram sucesso, eu fico com o pé atrás quando o sucesso é muito estrondoso e o filme, jogo ou qualquer coisa que seja não consiga responder as minhas expectativas. Sou muito relutante em conferir tais peças.

Um desses filmes é “Tropa de Elite”, posso confirmar agora, é um filmaço. Melhor filme nacional que eu vi desde Cidade de Deus. Claramente a idéia de que a burguesia, a corrupção policial e a ausência de um sistema eficaz, fazem com que o tráfico de drogas se torne um problema crônico nas favelas cariocas e o BOPE, faz o papel de anticorpo que tentam, na medida do possível, cumprir sua missão, ou seja, limpar as favelas dos maus elementos, tarefa a qual deveria ser de todo policial.

O tema central do filme é a história do Capitão Nascimento (Wagner Moura), membro do BOPE, policial estressado, acaba de ter seu primeiro filho, buscando um sucessor para seu cargo, e vê em dois aspirantes, como possíveis substitutos para seu posto. A história acontece poucos meses antes da visita realizada pelo papa João Paulo II em 1997.

O maior feito desta fita, em minha opinião, se deve ao alto teor realístico apresentado pelo diretor José Padilha, suas tomadas de câmera dá-se a impressão que o telespectador está realmente no local dos fatos.

Surpresa agradável foi de ver a interpretação de André Ramiro, que faz o papel do aspirante André Matias, pesquisando no Wikipedia, acabo por descobrir que Tropa de Elite foi seu primeiro papel como ator, aliás, muito boa interpretação.

Mais agradável ainda foi ver a presença da magrela da Fernanda Machado, aqui interpretando uma estudante burguesa noinha.

Fernanda Machado - Ai ai ai ui ui...


Trailer

sábado, 20 de dezembro de 2008

Silent Hill 4 - Playstation 2

Por mais que eu goste de videogame, o tempo de lazer que tenho é muito pouco e normalmente faço outras coisas, e jogar videogame não está entre ela, devido ao grande demanda de tempo que alguns jogos modernos tomam.

Bem, mesmo assim, arrisquei-me a jogar Silent Hill 4 no Playstation 2, pois, essa série, junto com Fatal Frame, são as duas séries que me causam pavor, e eu gosto demais disso.

Demorei quase 8 meses para finalizar o jogo, aproximadamente pouco mais de 20 horas contabilizadas, tentando resolver os inúmeros quebra cabeças e recorrendo uma única vez a um detonado, pois, por 2 meses, fiquei travado em uma parte do jogo.
Resultado, fiz o pior final do jogo, que possui, se não me engano, 4 finais diferentes.

O jogo começa com Henry Townshend tentando descobrir por que se vê trancado no apartamento onde mora, a partir daí, Henry descobre mais sobre o apartamento e podendo “visitar” outras localidades da cidade de Ashfield.

O enredo é muito bom, com algumas citações dos jogos anteriores, um clima muito sombrio, dublagem muito boa, trilha sonora legal e infelizmente, uma câmera horrível.

Por falar em trilha sonora, eu achei demais as músicas escritas por Akira Yamaoka, em especial Room Angel e Cradle of Forest, interpretadas respectivamente por Mary Elizabeth McGlynn e Joe Romersa.

Room Angel


Cradle of Forest


Trailer

Diamante de Sangue (Blood Diamond)

Eu comprei o DVD em uma locadora perto de casa e estava querendo assistir a esse filme há algum tempo, porém, nunca foi prioridade minha, pois hoje, aproveitei para colocar no aparelho de DVD e assistir ao filme.

Devo confessar que Leonardo DiCaprio ainda não me convenceu como ator, pois esse lance de deixar bigodinho e barbicha para tirar o ar meio afeminado dele ainda me deixa com o pé atrás quanto aos filmes que ele faz, se bem que eu gostei demais de “Gangues de Nova Iorque”, “Rede de Mentiras”, “Os Infiltrados” e agora este, “Diamante de Sangue”.

Aliás, que puta filme, arrependo-me por não ter assistido antes. A história do filme se passa em Serra Leoa, África, em 1999, onde havia sido instaurada uma guerra entre rebeldes, a FRU (Frente Revolucionária Unida) e o governo.

A economia local apresentada no filme gira em torno do diamante, onde por causa do desejo consumista do ocidente, acaba gerando uma corrida atrás dessas pedras preciosas, e o mercado vê-se manipulado pelos interesses de um grande empresário.
No meio desse bolo todo está Danny Archer (Leonardo DiCaprio) que trabalha como contrabandista, fornecendo armas para guerrilheiros em troca de diamantes, entre outras ações nada nobres.

Por acaso, o caminho de Danny se cruza com o do pescador Solomon Vandy (Djimon Hounsou), e ambos saem em busca de objetivos específicos, mas que necessitam de ajuda mútua. Danny precisa de um diamante raro que foi encontrado por Solomon e Solomon, precisa de Danny para reencontrar sua família.

O que se segue são cenas de guerra civil, belas paisagens e campos de refugiados. O filme causou-me um grande desconforto em ver como algumas dessas jóias tão desejadas por algumas pessoas tem em sua fabricação, desde a extração da matéria-prima, onde se explora trabalhadores que mais parecem ser escravos, até a jóia estar à venda na loja, um esquema tão sujo igualando-se ao do tráfico de drogas.

Uma boa surpresa no filme é a presença da gatíssima Jennifer Connely.

Site Oficial

Trailer

Rebobine, Por Favor (Be Kind Rewind)

Primeiramente, deixarei claro meu repúdio às redes de cinema que deixaram “Rebobine Por Favor” fora de suas respectivas redes de cinema, uma vez que o filme “Quase Irmãos”, filme o qual se tem referências diretas à década de 80, entrou em circulação nestas grandes cadeias de cinema.

Logo, para saciar minha vontade de assistir ao filme, tive que escolher entre fazer o download do filme ou ir até a região da Avenida Paulista, que fica absurdamente longe de minha casa, para assistir a essa pérola e fiquei na dúvida.

Optei por fazer o download, mas farei questão de comprar o DVD original quando sair comercialmente nas lojas, pois, o filme é muito bom.

Vamos ao filme, devo admitir que o maior atrativo para a fita seja a presença do ator Jack Black, ator o qual sou fã desde “Alta Fidelidade”, aqui, ele está menos escrachado, mas não menos engraçado.

O filme conta a história de uma humilde locadora, chamada Be Kind Rewind, que aluga fitas VHS em plena era do DVD, o dono da locadora, Elroy Fletcher (Danny Glover), tem que optar entre fazer a reforma da capenga locadora ou se mudar, mediante a pressão da prefeitura.

Na locadora trabalha Mike (Mos Def) e de vez em quando aparece o Jerry Gerber (Jack Black) para importuná-lo. Certo dia, tomando conta da locadora sozinho, Mike se vê em apuros, pois todas as fitas VHS da locadora têm seu conteúdo apagado.
Na tentativa de tentar consertar o desastre ocorrido, Mike e Jerry decidem refilmar os filmes, no melhor estilo sueco, ou seja, refilmagens de orçamento zero e que de alguma forma, acaba ficando geniais de tão ruins.

A partir daí temos refilmagens de filmes como Ghostbuster, A Hora do Rush 2, Conduzindo Miss Daisy, MIB, King Kong, entre muitos outros filmes da década de 80 e 90, nostalgia pura!

Ponto positivo para o diretor Michel Gondry (Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças) que escreveu e dirigiu este filmaço. Este filme Lembrou-me por acaso o clássico "Durval Discos", que eu gosto muito.

Site oficial do filme

Trailer

domingo, 23 de novembro de 2008

O Apartamento (L’ Appartment)

O Apartamento (L’ Appartment), é um filme francês de 1996, que se passa em Paris. Max, interpretado por Vincent Cassel é um jovem executivo de uma empresa de informática que durante uma reunião com um executivo japonês em um restaurante, ao sair para dar um telefonema, depara-se, mas não com toda a certeza, com um amor perdido de tempos atrás.

Donzela esta chamada Lisa, interpretada pela magnífica Monica Bellucci, curiosamente Monica Bellucci é casada com Vincent Cassel na vida real.

O longa narra a busca de Max por Lisa, através de inúmeros flashbacks. Encontro dos dois muitas vezes desencontrados, devido a uma série de fatores que são esclarecidos durante o filme.

Aliás, contar mais que isso é estragar esse belíssimo filme dirigido por Gilles Mimouni, que estranhamente só consta no IMDb o filme O Apartamento e a refilmagem americana chamada Wicker Park que, por aqui, saiu como Paixão à Flor da Pele.

O Apartamento, sabe se lá por qual razão, remete a Match Point de Wood Allen e Femme Fatale de Brian de Palma, talvez o desfecho onde tudo se encaixa perfeitamente sem deixar pontas ou pequenos detalhes que não fazem diferença.

Destaque também para a atriz Romane Bohringer, uma graça.

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Quarantine

Quarantine, a refilmagem norte-americana do longa espanhol REC é um bom filme, na verdade é 99% fiel a versão original, porém, este telespectador achou que faltou uma coisa nesta fita norte-americana, faltou carisma por parte dos atores. Enquanto que na versão espanhola a maioria dos atores, apesar de serem completos desconhecidos para este resenhador, são de um carisma tremendo a versão americana carece de atores com que eu me identificasse, chegando em alguns pontos ser irritante o nível de canastrice dos atores.

Ponto positivo
Esse remake tem algumas explicações razoáveis que ficaram meio no ar na versão espanhola.

Ponto negativo
Alguns diálogos infames do início do filme poderiam ser muito bem limados.

Caso você não tenha assistido a fita espanhola, pode assistir essa versão americana, sem medo de se decepcionar, obviamente para os amantes de filme terror.

Trailer

REC

Pense você em um bom filme de terror e você pensará certamente em sustos e ficará em sua mente aquela cena aterradora, pois bem, foi assim que este telespectador ficou após assistir REC, um filme danado de bom.

REC é um longa-metragem espanhol, com atores desconhecidos por aqui, pelo menos para mim, mas muito carismáticos, com exceção de alguns atores. O interessante nesse filme é a visão que o telespectador tem, pois, assistimos apenas o que o camera man registra, como em Bruxa de Blair, aliás, REC seria um Bruxa de Blair com Extermínio e acrescente alguns zumbis retirados de filmes de George Romero.

A história de REC é muito simples, uma jornalista está fazendo uma reportagem junto ao corpo de bombeiros mostrando como é a vida dos combatentes de incêndios e lá pelas tantas horas da madrugada, uma chamada de emergência para socorrer uma velhinha presa em seu apartamento, e lá vão, bombeiros e jornalista.

Policiais estão no local e alguns moradores no andar térreo do prédio e lá vão policiais, bombeiros e camera man registrar o resgate da idosa. Até aí nada de anormal, se não fosse o fato da velhinha estar ensangüentada e em dado momento parte para cima de um policial causando-lhe um grande ferimento no pescoço, a partir daí segue-se momentos intensos de suspense aterrorizante onde mortos tornam-se zumbis sedentos por sangue sendo que o prédio está lacrado não havendo saída.

A fita ganhou uma refilmagem norte-americana chamada Quarantine que logo comentarei.

Trailer

domingo, 2 de novembro de 2008

Maniac - Versão Original, Metal Covers E Mais Alguma Coisa

Na década de 1980 eu preferia ficar em casa a brincar na rua com a molecada. Preferia ficar assistindo à televisão e não perdia uma Sessão da Tarde. Entre os inúmeros clássicos que assisti, entre De Volta Para o Futuro e Curtindo a Vida Adoidado eu assisti a algumas vezes Flashdance.

O filme estrelado pela gatíssima Jennifer Beals, tinha em sua trilha sonora, uma música grudenta chamada Maniac do artista Michael Sembello, aliás, acho que foi a música de maior sucesso seu.

Abaixo segue a versão original e algumas versões bem interessantes, ou nem tanto.

Versão Original
Michael Sembello - Maniac


Metal Covers
Firewind - Maniac


Street Legal - Maniac


e Mais Alguma Coisa

domingo, 19 de outubro de 2008

Gerônimo - O Amor da Muda e do Mudo

Da região nordeste, muitos humoristas aparecem, mas é um outro que eu acho graça, e este Gerônimo, com seu forró engraçado, eu dei muita risada. Não sei muito sobre o artista, mas dêem uma conferida.

sábado, 18 de outubro de 2008

Taken - Busca Implacável

Em todos os jornais que li, Taken - Busca Implacável é tido como um filme ruim. Opinião de fã de filmes de ação, eu achei o filme muito bom. A sensação foi quase a mesma de ter assistido Con Air ou Stallone Cobra, testosterona pura.

A história é simples, a filha de Bryan vai para a França, é sequestrada e o pai vai resgata-la.

O pai, um ex-espião norte-americano, é interpretado por Liam Neeson, nos seus mais de 50 anos, o cara corre muito nesse filme.

É um pai que faz de tudo para encontrar a filha, não medindo esforços, mata, tortura, ameaça, faz uma bagunça tremenda na França.

É um ótimo filme de ação, ótimas cenas de ação, sem muitos diálogos. O diretor é Pierre Morel (13º Distrito) e o roteiro é de Luc Besson (5º Elemento) e Robert Mark Kamen (Carga Explosiva 1, Carga Explosiva 2, Beijo do Dragão).

Só achei que faltou aquele banho de sangue à la Kill Bill.

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Jogos novos para Dreamcast

"Rise from your grave!" diria Zeus para Dreamcast se o mesmo fosse protagonista de Altered Beast, porém não é de se estranhar que eu use essa frase para o console da Sega. Descontinuado há alguns anos, a fábrica que fazia as mídias para o console, o chamado GD-Rom (Giga Disc Read only memory) fechou as portas ano passado e o console ainda recebe lançamentos, não oficiais.

Alguns programadores fazem jogos para o console e lançam comercialmente como foi o caso de Last Hope em 2006 e agora teremos dois lançamentos previstos para o mês que vem. DUX feito pelo René Hellwig do NG:DEV.TEAM que produziu o Last Hope e teremos um puzzle chamado Wind and Water: Puzzle Battles, produzida pela Yuan Works Co. Ltd., esse jogo já havia saído para o GP2X.

DUX


Wind and Water: Puzzle Battles

Esse vídeo é o da versão GP2X, não achei um vídeo do jogo para Dreamcast.

Os jogos já podem ser encomendados na Play-Asia.

Quando o jogo sair, não prometo, mas tentarei fazer uma análise desses jogos.

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Casamento de Kenshiro e Yuria - Hokuto no Ken

Eu sou um grande fã de Hokuto no Ken desde que eu era pivete lá pelos anos 80, quando ficava assistindo as extintas fitas Betamax.

Pois bem, este ano, comemora-se o vigésimo quinto aniversário de Hokuto no Ken. E para comemorar essa data, dentre os movies e OVAs que andam saindo, os japoneses realizaram o casamento de Kenshiro e Yuria no dia 13 de setembro último.



Se você quiser deixar uma mensagem para os noivos entre no site:

http://www.hokuto-no-ken.jp/kekkon/msg.html

Clique no botão vermelho e preencha o formulário que abrir.



Eu já deixei a minha :D

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Broken Thunder



Para quem não sabe, Broken Thunder é um projeto de Thunder Force que foi feito por uma empresa conhecida como Factory Noise AG.

Como a série parou em 1999 e nenhuma notícia de ser lançado algo novo de Thunder Force (até este ano) a Factory Noise AG resolveu lançar Broken Thunder. Aproveitando elementos dos jogos anteriores do clássico da Technosoft, esse pseudo Thunder Force segue a mesma linha.

Na boa, eu não joguei mas só pelos vídeos não me empolguei nem um pouco. Ether Vapor eu achei bem melhor e é um pouco parecido com Thunder Force.

Como Broken Thunder é foda de achar, achei um lugar que tem os links, aproveitem enquanto estão no ar.

Parte 01
Parte 02
Parte 03
Parte 04
Parte 05
Parte 06
Parte 07
Parte 08
Parte 09
Parte 10
Parte 11
Parte 12
Parte 13

Total 1,14 GB.

domingo, 17 de agosto de 2008

Sympathy for Lady Vengeance – Lady Vingança

Fechando a trilogia da vingança com chave de ouro, Park Chan-Wook nos traz este, que em minha opinião, é o melhor filme da trilogia, superando o seu antecessor Old Boy, ou seja, esse filme é do caralho.

A história do filme é sobre uma detenta chamada Lee Geum-ja, que deixa a prisão após cumprir a pena pelo assassinato de um garoto. Porém, fora da prisão ela agora, deseja vingança contra alguém, que eu não posso revelar pois isto é estragar o filme e o filme gira em torno deste plano.

O crime narrado no filme remete a acontecimentos recentes como caso Isabella e a morte de Gabriel Santos Ribeiro. A mídia em polvorosa com o caso, a população revoltada com a assassina. O pré-julgamento dos fatos, ou seja, verossímil com a nossa realidade.

Quase todos os personagens que aparecem tem um papel, de maior ou menor relevância, com a vingança que Lee Geum-ja estava planejando desde sua permanência na prisão.

Um filme que retrata o que é a vingança, do ponto de vista feminino e que traz uma pergunta interessante, na verdade levantada por mim, na parte final do filme, se realmente somos capazes de qualquer coisa em busca de uma vingança? Se na hora do vamos ver, não pulamos fora? Questão essa que de spoiler não tem nada.

Eu destaco além do filme em si, que é belíssimo, a trilha sonora, que combina de maneira absurda com o filme. E a atuação da atriz Lee Young-ae, que interpreta Lee Geum-ja, além de ser muito bonita, achei sua interpretação maravilhosa, bastava um olhar para emanar os sentimentos que estavam no âmago da personagem.

Detalhe interessante, alguns atores que aparecem durante o filme, fizeram papéis em Sympathy for Mr. Vengeance e Old Boy.

E também para o design da arma feita especialmente para a vingança de Lee Geum-ja.

Sympathy for Mr. Vengeance (Boksuneun Naui Geot) - Mr. Vingança

Para quem não sabe, Sympathy for Mr. Vengeance, é um filme que faz parte de uma trilogia que trata da vingança. Old Boy você já deve ter assistido ou ouvido falar, pois bem, Sympathy for Mr. Vengeance é o primeiro filme, Old Boy é o segundo e Sympathy for Lady Vengeance fecha a trilogia.

Todos foram dirigidos por Park Chan-wook (lembre-se deste nome).

A história de Sympathy for Mr. Vengeance é a seguinte, um surdo-mudo chamado Ryu, trabalha em uma empresa que creio eu se tratar de uma metalúrgica, e vai juntando dinheiro para poder pagar o transplante de rim para a irmã. Acontece que o rim de Ryu não é compatível com o de sua irmã, o tempo de vida dela vai se esgotando e um doador de rim compatível não aparece.

Pra piorar, nesse ínterim, ele é despedido da empresa. Como ele já tinha juntado uma grana, ele resolve apelar para traficantes de órgãos, ele dava a grana que já tinha juntado e dava o rim dele. Só que Ryu acorda pelado sem o rim, sem dinheiro e sem o rim da irmã.

Ryu mora com uma garota chamada Yeong-mi, meio maluca das idéias, então juntos eles resolvem arrumar uma grana sequestrando a filha do diretor da empresa onde Ryu trabalhava (eu acho), Park Dong-jin. A partir daí tem umas reviravoltas meio loucas na trama.

Em minha opinião Sympathy for Mr. Vengeance não chega aos pés de Old Boy. É um bom filme, sem dúvida que é, muito bem dirigido, uma boa história, uma frieza na hora de filmar nos momentos de crueldade, pitadas de humor, mas Sympathy for Mr. Vengeance está degraus abaixo de Old Boy.

De 0 a 10? Minha nota é um 7.

segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Porra, o Feliz morreu!



Feliz, em minha opinião, foi é muito triste nessa última fase de sua vida, sem dinheiro, sem emprego, sem reconhecimento, não é à toa que a depressão consumiu mais rapidamente sua vida.

Vai com Deus e seja feliz, Feliz.

sábado, 2 de agosto de 2008

.kkrieger - fps de 96kb



É isso mesmo o que vocês leram no título do tópico, .kkrieger é um fps (first-person shooter) de apenas 96 kb feito por um grupo de alemães chamado German demogroup.

E não é qualquer máquina que roda não, não vá pensando que aquele seu 486 DX2 66 vai rodar esse jogo, apesar de apenas 96 kb, o jogo requer a máquina com a seguinte configuração mínima:

• 1.5 GHz Pentium 3 / Athlon ou mais rápida
• 512 MB of RAM
• GeForce 4Ti (ou maior) ou uma ATI Radeon 8500 (ou maior), uma placa de vídeo que suporte o pixel shader 1.3
• DirectSound
• DirectX 9.0b
• Microsoft Windows
• 96 kB de espaço no disco obviamente

Eu não testei o jogo pois a minha máquina é MUITO antiga, mas graficamente falando, o jogo é bonito, a jogabilidade parece ser meio truncada, os efeitos sonoros me pareceram ser bem fracos e a música do vídeo que postei é MUITO chata.

Baixar jogo

terça-feira, 29 de julho de 2008

Thunder Force VI - PS2



Bem, o que eu posso dizer sobre Thunder Force? Imagine a seguinte situação, o doce que você mais gosta de comer deixou de ser fabricado há pelo menos 10 anos.

Você passa os dias esperando alguém que possa fazer aquela suculenta guloseima de maneira satisfatória, mas o que aparece em nada se compara àquele clássico doce.

De repente uma fábrica de renome resolve fabricar aquele doce, você fica na expectativa de que tenha pelo menos mesmo sabor e conta os dias para o fatídico dia em que terá o produto em mãos.

Pois é essa sensação que eu estou tendo, neste primeiro trailer divulgado pela SEGA, o jogo parece que será ótimo. Sai dia 30/10/08 apenas no Japão.

Omae wa mo shinderu



Hokuto no Ken é uma das séries que eu mais gosto desde a década passada, passando tardes assistindo fitas Betamax, esse desenho marcou minha infância.

Pena que esses novos OVAs e Movies estejam bem aquém do que eu esperava.

Ra Ra Ra Ratinho...



Ratinho sempre foi um apresentador polêmico, mas no SBT (Sistema Bozo de Televisão), essa característica dele esfriou. Chegando num ponto em que diversas vezes teve seu programa tirado do ar pelo todo poderoso senhor Abravanel, a.k.a. Sílvio Santos.

Será que um dia Ratinho voltará a televisão? O tempo dirá.

sábado, 26 de julho de 2008

Hellboy 2 - The Golden Army



Bem, hoje estava com sede de filmes de super-heróis, assisti a Dark Knight e agora acabo de assistir Hellboy 2 - The Golden Army. Dirigido pelo grande Guillermo del Toro (Labirinto de Fauno), este filme traz o mesmo elenco do filme anterior.

Eu confesso que li poucas histórias do personagem (são o olho da cara), mas, o filme, capta com certeza, o espírito das histórias em quadrinhos. Creio eu que li A Semente da Destruição e o Verme Vencedor, mas não assisti direito ao primeiro filme.

É um bom filme, com pitadas de humor, aventura, drama e até romance. Taí minha indicação quando passar nos cinemas.

Batman - Dark Knight



Acabo de assistir ao filme, e bem, posso afirmar com certeza que é um EXCELENTE filme, porém, estou num misto de alegria e tristeza, achei que havia muitos bons atores no longa, mas que apareceram pouco, como Morgan Freeman intepretando Lucius Fox ou Michael Caine como Alfred.

Até mesmo Heath Ledger interpretando um ótimo Coringa apareceu pouco em minha opinião. Não acho que seja um papel para um Oscar como muitos dizem, mas, ele ficou perfeito como Coringa, me lembrando em certos momentos o Coringa da história Advogado do Diabo.

Eu não acharia ruim se o filme tivesse 3,4, 10 horas de duração, pois ficou aquela vontade de assistir mais e mais.

Enfim, podem assistir que o filme é ótimo. Muito superior aos filmes anteriores.

sexta-feira, 25 de julho de 2008

E por falar em Zona de Assassinos (alguns spoilers)

Para quem não sabe, Zona de Assassinos (Peace Hotel / Woh ping faan dim), filme estrelado pelo Tony Ramos chinês, Chow Yun Fat, sem os pêlos claro, conta a história de uma cidade sem lei onde os miseráveis encontravam abrigo em um hotel que é cuidado pelo personagem de Chow Yun Fat.

Tudo ia bem até que um dia chega uma moça que mudará a vida desses moradores para sempre, mas que redação mais cafona.

Enfim, o filme é antigo, é do século passado, 1995, mas é excelente. O vídeo abaixo é da seqüencia final, logo, se você não quiser estragar a supresa do filme não assista, tem alguns spoilers, mas é ótimo ver esse longa do início ao fim.

Sukiyaki Western Django



Deparei com esse filme e estou muito ansioso para assistir. Lembrou-me Zona de Assassinos (Peace Hotel / Woh ping faan dim).

quarta-feira, 23 de julho de 2008

Pimenta no brioco dos outros é refresco!

Esse vídeo é muito bom, bom porque não foi comigo. Destaque para a bolada no pássaro e o maluco na frente do trem.

Chinês nas ruas de Chin Bo Ho (mais conhecido como Chicago)

Em minha navegações pelo you tube, deparei-me com esse vídeo de um chinês figuraça. Dá uma olhada.

POSTAL - filme de Uwe Boll (sta)

Será que desta vez esse diretor tranqueira vai fazer um filme no mínimo decente? Pelo menos que destrua uma criação própria dele e não dos outros como fez com BloodRayne ou House of the Dead.

sexta-feira, 18 de julho de 2008

Who Watches the Watchmen


Agora fiquei excitadíssimo com a adaptação para a telona desta, que é a história mais ferradonas de todos os tempos, em minha opinião claro, e não duvido nada que seja a de muita gente também.

domingo, 13 de julho de 2008

quinta-feira, 10 de julho de 2008

terça-feira, 8 de julho de 2008

sexta-feira, 27 de junho de 2008

Kid Chameleon Commercial

Kid Chameleon é um jogo muito divertido, difícil, trabalhoso, etc etc.

Mas impossível é não notar a ausência do cartucho no console no comercial.

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Cadê o Fluminense X LDU na Globo?

Durante o expediente desta quarta-feira fria, fiquei sabendo através de meu patrão, que o jogo Fluminense X LDU (que no momento estava 4X2 para a LDU) não seria transmitido nem pela Globo e nem pela Band, no lugar iria passar o jogo do Corinthians.
Oras, qual a importância que um jogo de série B (cujo andamento não está em momento de decisão) em relação a final de Libertadores, senão o mais importante campeonato de futebol da América Latina?
Será pressão da torcida corinthiana? Boicote a essa televisão aberta.


terça-feira, 24 de junho de 2008

Ultimate Ghosts 'n Goblins (PSP)

Put Keep Are You! Esse jogo para PSP é muito foda. Ele é excelente. Quem tem PSP e gosta de jogos antigos com cara moderna deveria ter esse jogo.

Aliás, vou começar a jogar o Ghosts 'n Goblins do arcade para relembrar os velhos tempos.

Saber Rider

Se tinha um desenho que eu estava a procurar há muitos anos é o Saber Rider (nunca mais esqueço esse nome).

O único personagem que eu lembrava era o cara de chapéu de cowboy.

Alguém mais lembra desse desenho?

sábado, 14 de junho de 2008

Cris Spiegel's First SHMUP

Um camarada da comunidade Jogos de Nave do orkut, o Cris Spiegel, está desenvolvendo o primeiro jogo dele e está ficando muito bacanérrimo conforme vocês podem ver no vídeo.

Mande um recado para ele em seu blog ou no orkut mesmo.

http://crisspiegel.blogspot.com/

Mandou bem cara.

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Sega Genesis Worst Games Top 10

Eu sou suspeito em falar de minha paixão pelo Mega Drive, mas não há como negar que há alguns jogos bem tristes para o console.

A única coisa que não concordo nesse Top 10 é a inclusão do Ultraman, o jogo até que é bonito.

terça-feira, 10 de junho de 2008

Helloween - Kids Of The Century (live)

Uma das bandas que mais ouço é o Helloween, seja da fase clássica ou da fase atual, gosto de quase tudo.

O que mais me agrada são as letras super alto astrais, com exceção de uma outra, no geral são sempre alegres e algumas vezes engraçadas.

domingo, 8 de junho de 2008

McDonald's - Mc????

Interessante comercial do McDonald's para os consumidores japoneses, para quem adivinhar qual é o lanche da propaganda ganha um doce.

Doritos - Paródia do Fatal Frame

Enquanto ficamos no aguardo para poder jogar e apreciar o Fatal Frame 4 exclusivo para Wii, divertam-se com esse comercial.

マドンナたちのララバイ 岩崎宏美

Ultimamente tenho me interessado demais por músicas japonesas, em especial a Enka, talvez por nostalgia da época que eu passava as tardes de minha tenra infância assistindo a fitas no meu bom e velho Betamax.

Essa é uma das músicas mais bonitas que eu já ouvi de Hiromi Iwasaki e este vídeo é uma apresentação de 1981.

quinta-feira, 5 de junho de 2008

quarta-feira, 4 de junho de 2008

OneChanbara: The Movie

Pô, eu tou louco pra jogar OneChanbara (お姉チャンバラ) no Wii e fico sabendo que vai ter filme.

É muito para o meu coração.

Site Oficial

Street Fighter IV

Na década de 90 passei boa parte de minha vida em botecos fididos, em meio a fumaceira e cheiro de bebida barata, encarar tudo isso para poder me divertir jogando fliperama.

Street Fighter 2 - The World Warrior foi um marco na história dos videogames e um marco em minha vida.

Imagine minha ansiedade ao ver o trailer desse jogo que sairá para PS3, PC, arcade e Xbox 360.

Ovelha - Você vai voltar

Em minhas navegadas pela rede, deparei-me com essa pequena obra-prima, a música fica em segundo plano perante a bela morena que aparece no videoclipe.

Com recursos limitadíssimos de produção, arrancando leite de pedra, com este videoclipe, o cantor Ovelha conseguiu arrancar-me algumas lágrimas.

A cena da moça segurando o retrato do ovelha é impagável.

Art of Fighting 2 - Commercial

Esses dias resolvi jogar só Art of Fighting 2 (Ryuko no Ken 2) no meu Neo Geo AES.

Esse jogo é maravilhoso, gráficos muito bons (para a época), som majestoso, jogabilidade às vezes truncada mas no geral muito boa e personagens carismáticos.

Devo confessar que eu sou péssimo nesse jogo, tanto é que apenas recentemente consegui chegar no 4º oponente. Na versão anterior eu me saia beeeeeeeeem melhor.

Reflexão CRX.

Só não consigo entender como é que o Geese está tão novinho nesse jogo, se formos pegar a cronologia, no Fatal Fury o Geese já é um senhor. Então ao juntarmos os personagens de Fatal Fury e Art of Fighting em King of Fighters 94, Ryo e Robert deveriam estar bem mais velhos que Terry e Andy.

Takuma Sakazaki por sua vez deveria estar beirando seus mais de, pasmem, 60 anos?

The Machine Girl

Um amigo meu passou esse link pra mim e na hora que vi, vixiiii, meu sangue ferveu.

Esse filme parece ser muito bom. Lembrando em certos momentos os filmes de Robert Rodrigues.

Com certeza assistirei.

domingo, 1 de junho de 2008

Altered Beast

Na década de 90, eu tinha ganhado um Mega Drive, videogame fantástico, os mais novinhos que conhecem videogame à partir de Playstation 2, XBox, Game Cube, e acham o Mega uma bosta, vão tudo pra #$#$%*.

Tinha um amigo meu no colégio que me emprestou uma fita de Mega chamada Altered Beast, e que jogo maravilhoso. Hoje em dia, eu tenho a fita, e é muito bom jogar de vez em quando esse jogo.

sábado, 31 de maio de 2008

Os Melhores do Mundo - Hermanoteu e o Diabo

Toda hora vejo pessoas que "entendem" de humor falando de escassez de comediantes na televisão, etc etc...

Eu não vejo por esse lado, pra mim existe e sempre existiu o bom comediante e o mau comediante, infelizmente, na televisão está recheado de pessoas que se acham humoristas.

Pra quem não sabe quem são Os Melhores do Mundo, dois dos integrantes desse grupo são do Zorra Total e intepretam a Jujú e o Jajá.

sexta-feira, 30 de maio de 2008

Judas Priest - Painkiller

Eu sempre gostei de Judas Priest, adoro a maioria dos trabalhos da banda, pesado, melódico, heavy metal dos bons.

Painkiller é um dos discos que mais ouço do Judas Priest, todas as músicas são ótimas.

Download

Zatoichi

Se eu tivesse que indicar um bom filme de samurai, esse filme de Kitano Takeshi estaria com certeza entre os filmes que eu citaria.

A história é sobre um ronin (samurai que não serve a um senhor feudal) cego que fica perambulando por aí até que se envolve com os problemas de outras pessoas (acho que era isso) o que dá motivos para um banho de sangue no melhor estilo Kill Bill Vol. 1.

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Era Bem Amenos

Lembro-me de ter ouvido demais a música Ameno do grupo Era. Era até divertido, todo esse lance de canto gregoriano, levando-nos a uma reflexão de coisa alguma com nada.

Achei por acaso esse vídeo, esses malucos devem ser turcos, reparem no olhar do cara no canto esquerdo inferior.

Koyanagi Rumiko - Ohisashiburidane お久しぶりだね

Koyanagi Rumiko, como essa mulher canta, incontáveis foram as vezes que assisti a essa apresentação no NHK Kohaku Utagassen (NHK 紅白歌合戦) de 31/12/1984.

Engraçado é contar quantos dançarinos caíram durante essa apresentação.

terça-feira, 27 de maio de 2008

Rengoku II: Stairway to H.E.A.V.E.N.

Estou eu jogando esses últimos dias esse jogo de PSP, Rengoku II: Stairway to H.E.A.V.E.N., procurando informações sobre o jogo, achei apenas críticas negativas.

Realmente o jogo não é dos mais agradáveis, pois se resume em olhar o mapa, procurar inimigos, destrui-los, juntar crédito, fazer um upgrade e equipar seu personagem e tudo se repete até enfrentar o chefe de tela.

Opinião minha, eu estou achando divertido, e a música da tela de abertura achei boa.

Download

Parte 1

Parte 2

Parte 3

Parte 4

Kato Chan Ken Chan (カトちゃんケンちゃん)

Minha diversão na década de 80 era ficar assistindo televisão, mais divertido ainda era poder assistir às fitas Betamax que meus pais alugavam.

Entre vários programas, novelas e desenhos animados, havia um humorístico protagonizado por Kato Chan e Ken Chan, que era (pra mim é) demasiadamente engraçado, tão quanto Os Trapalhões na época em que Mussum e Zacarias eram vivos ou ainda os 3 Patetas com o Curly.

Eu sei que Ken Chan (Shimura Ken) ainda trabalha, quanto ao paradeiro de Kato Chan não faço idéia de onde esteja.

segunda-feira, 26 de maio de 2008

UAHHHHHHHHH... Galvão Bueno

Estava ontem, sem muito a fazer na casa da namorada, pulando de canal em canal até que deparei-me com o programa Pânico na TV da Rede TV.

O quadro a que eu estava a assistir era o Meda, e os entrevistadores Christian Pior e Robaldo Ésperman com o Rei Pelé estavam.

Conversa vai, conversa vêm e notei que em uma das perguntas, os humoristas perguntaram se Edson Arantes do Nascimento estava ressentido com o Galvão.

O eterno jogador, mostrando sua majestosa humildade disse algo que não me recordo e pouco importa. Divirtam-se com o vídeo.